Luminária industrial com canos de PVC

Olha só eu aqui com um DIY audacioso hahaha. Isso porque invento de fazer as coisas achando que vai ser a maior moleza e ai quebro a cara. A maior dificuldade com esse projeto foi a parte da pintura. Moro em apartamento, então já viu né? Foi realmente difícil!

Pra fazer a minha primeira luminária com canos de PVC, utilizei como base esse modelo aqui que achei lá no Pinterest. Não existe um plano padrão pra fazer o corte dos canos. Você vai precisar desenhar como ela vai ficar e cortar de acordo com o tamanho que quer a base e o comprimento. Pra fazer a luminária eu gastei R$ 50, incluindo a lâmpada de filamento. Calma!  Aqui está o link do vendedor no ebay. Comprei por um preço muito, mas muito bom mesmo e JUSTO (R$10 no modelo ST64) e chegou com 1 mês certinho! Quem já procurou essas belezinhas pra comprar aqui no Brasil, sabe que não sai menos de R$60 uma única lâmpada.

Lista de materiais:

1 Serra pra PVC
1 tomada
2m de fio
3m (no mínimo) de cano PVC 25mm
7 joelhos 90° 25mm
4 T 25mm
2 joelhos 45° 25mm
5 ligações (luvas) 25mm (opcional. só usei pra deixar ela mais altinha e criar uns detalhes no corpo)
1 ligação com entrada de 25mm e saída maior (que encaixe no bocal que você escolheu)
1 bocal para lâmpada
1 lâmpada
Fita isolante (opcional. só para o caso de precisar numa emergência)
1 tinta spray fosca preta (ou de qualquer outra cor. Só precisa ser fosca! Vou explicar melhor depois)
Cola pra PVC (Já tinha em casa e é muito opcional, tá? Isso porque os canos ficam tão firmes, que na minha opinião, nem precisa de cola).

Resultado

Nesse modelo, pra fazer a base eu cortei 11 pedaços de 5cm. Já no corpo usei 3 pedaços de 5cm, 2 pedaços de 7cm, 1 de 10cm e 2 de 20cm. Depois fiz a montagem utilizando as conexões, passei o fio por dentro e comecei a parte elétrica, que é bem simples. Um monte de gente no Youtube ensina direitinho como fazer. Aprendi com o Edu no canal Homens da Casa.

Duas dicas importantes pra pintura: 1. Antes de passar uma tinta brilhosa ou com efeito dourado/prateado/cobre, você deve passar uma base de tinta fosca branca. E sim, é obrigatório. Isso porque a tinta spray com brilho, mesmo que você lixe os canos pra dar aderência, não vai fixar direito no PVC e o efeito brilhoso vai acabar ficando sem vida e opaco. Minha tinta preta já era fosca, então não precisei de base. 2. Se você mora num lugar com pouco espaço assim como eu, use uma caixa de papelão e posicione a luminária dentro pra usar a tinta spray. Assim, as partículas de tinta não acabam pelo chão/paredes!

Essa minha luminária com ar bem industrial♥ eu deixei na sala. Aí, como sou atrevida e acabou sobrando cano, fiz uma outra para o quarto. Comprei tinta branca fosca, mais fio, mais conexões, uma lâmpada LED e um bocal muito legal com carinha de cimento queimado. Na foto não dá pra ver muito bem, mas ele tem uma textura muito bonita. Ficou assim ó:

Agora um bônus, só pra deixar esse post mais bonito, com fotos da minha rainha/raio de sol/beijinho doce/luz da minha vida:

E aí? Gostaram? Se tiver dúvida ou precisar de alguma dica, fala comigo nos comentários! Até a próxima.

  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • Pinterest

Leia também...

Nenhum Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *